by Max Barry

Latest Forum Topics

Advertisement

Portugal de Esquerda RMB

WA Delegate: None.

Founder: The Uniao Portuguesa of Povo Unido

Last WA Update:

World Factbook Entry

Região em língua portuguesa dedicada a temas da esquerda nacional e internacional.

Nações de todas as ideologias são bem-vindas, se vierem para conversar e debater por bem.


Embassies: International Socialism, Communist Alliance, Lardyland, USSD, Brasil, Anarchy, Bus Stop, and The Great Red Union.

Tags: Anarchist, Anti-Capitalist, Communist, Democratic, Featured, Medium, and Socialist.

Portugal de Esquerda contains 21 nations, the 678th most in the world.

ActivityHistoryAdministration

Today's World Census Report

The Most Income Equality in Portugal de Esquerda

World Census boffins calculated the difference in incomes between the richest and poorest citizens, where a score of 50 would mean that poor incomes are 50% of rich incomes.

As a region, Portugal de Esquerda is ranked 2,806th in the world for Most Income Equality.

NationWA CategoryMotto
1.The Oppressed Peoples of Paraiso ComunistaPsychotic Dictatorship“Mortos os outros, ficou a ditadura sobre o proletariado”
2.The Community of Beja OesteLeft-wing Utopia“National Motto”
3.The Queendom of Lisbon DollsDemocratic Socialists“Roubaram o motto”
4.The People's Republic of Galineia do NortePsychotic Dictatorship“Let's trim our hair in accordance with socialism!”
5.The Uniao Portuguesa of Povo UnidoLeft-wing Utopia“O povo é o estado!”
6.The People's Republic of Coimbra OrientalCorrupt Dictatorship“By The People For The People”
7.The Socialist Land of Vila MorenaLeft-wing Utopia“Em construção...”
8.The Free Land of NaturalandLeft-wing Utopia“Nature above all”
9.The Jainist Empire of HelportDemocratic Socialists“The path to non-violence is the ultimate goal.”
10.The United States of Patagonia VerdeDemocratic Socialists“Natura”
123»

Regional Happenings

More...

Portugal de Esquerda Regional Message Board

Thordo wrote:acho que consegues encontrar isso no pornhub XD

Depois o FBI ainda me vê a pesquisar isso e denuncia-me...é melhor não ir pesquisar, vai a teu proprio risco XD

Não vejo essas coisas, pensei que querias desabafar algo :)

Praia do gato wrote:Não vejo essas coisas, pensei que querias desabafar algo :)

nah XD

mas obg pela preocupação acho eu XD

Algarve Land wrote:Esse foi um de vários. Foi com o Chavez que começou a diabolização da oposição democrática que permitiu ao Maduro ir full dictator mode.

Retórico não é crime. Todos os dias partidos políticos em todos os países democracias diabolizam a oposição.

16 cartas, se alguém tiver as que me faltam... :)

Thordo wrote:resistencia do quê? XD

me no anarquista nor comunista XD

mas acho que portugal precisa de uma conversa séria sobre acabar com a corrupção e sobre como criar programas de ajuda social que sejam sustentáveis e que não exijam a porcaria do FMI para nos vir salvar o bacon, que nng gosta de austeridade

se pensares bem nisso vês que não é com capitalismo que lá chegas, só ficas com desigualdade

Odisseo wrote:[nation][region][/region][/nation]

Obrigado por receberem a naçao do Municipaliismo libertario de Odisseo, nao temos capital para evitar o que se passa em lx.

Saudaçoes compxs camaradas e outrxs

errr... ok?

Comuna de Oporto wrote:Mudanças, para mim, vêm quando têm de vir, e o Socialismo tem mesmo que vir suave, porque uma coisa é o possível e outra o desejável e há que ver que estamos num país caótico em algumas leis e há alguns pontos que não é fácil mudanças profundas, porque é muito difícil mexer numa coisa, sem alterar duas ou três, ou causar uma cadeia de problemas. Por exemplo, em termos da banca, é fácil defender que um banco como o BES devia ter ido à falência, mas um banco aqui fechar é muito diferente de um banco fechar na Alemanha onde eles conseguem aguentar o impacto na economia, enquanto para nós era uma bomba nuclear e íamos sentir bem o impacto disso, sendo por isso que se optou por uma via má, em vez de uma pior, mas claro que há muita coisa que devia ser mudada e profundamente; veja-se a justiça também, mas será complicado de um dia para o outro.

Há algumas coisas que sim, foi falta de vontade política, e outras que os nossos "migus" de direita diziam ser utopia, mas tornámos realidade (Passe Único, por exemplo), por isso é preferível um socialismo suave que um rápido e pouco eficaz.

Imagino que sejas do PCP correcto? E imagino que seja estranho olhar para o PS que mudou tanto desde 1976, mas isso em parte resultou de ser um partido no poder e esbarrar com a realidade; apesar dos "flirts" que teve com a direita, acho que se resignou ao que pode ser feito e não à construção de uma sociedade sem classes que seria impensável no presente e no futuro próximo. É fácil para partidos como o PCP e o BE embirrarem com o PS porque nunca foram partido de poder e no caso do BE nem experiência autárquica têm. Mas atenção, acho que BE e PCP devem estar agora lado a lado com o PS mais do que nunca, para lhe lembrar que o caminho é pela Esquerda e para relembrar que por muito suave que seja o seu Socialismo, o PS tem que ser Socialista ao mesmo tempo que é um partido que tenta construir pontes e adquirir contributos vários.

Desculpa lá a seca, termino só dizendo que o PS também existe muito na linha de um Socialismo "suave" como lhe chamas, moderado e de ética Republicana, afastado do determinismo económico e luta de classes, e não acho isso mau, acho que também é preciso numa democracia.

ainda bem que falaste do bes, onde a parte fodida o estado safou e o "banco bom" como eles chamaram continuou a operar. e é o que temos visto, os bancos quando estalam lá está o estado para safar, quando anunciam milhões de lucro, epá é privado e tal, isto não é a china, temos que respeitar os privados. achas isso justo?

eu não sou filiado em nenhum partido, mas é fácil de ver que estou à esquerda do ps, voto pcp ou be, depende. nas últimas votei no be e nas próximas provavelmente também. o ps adora perder oportunidades de fazer mudanças a sério porque vivem com o medo de serem considerados radicais, e com isso não consigo viver e vem daí a minha antipatia por eles

o dinheiro que se gasta com bancos ao mesmo tempo que a escola pública e os hospitais publicos estão como estão é imperdoável a um partido de esquerda.

Praia do gato wrote:Guess who's back?

back again
shady's back
tell a friend

URSP wrote:ainda bem que falaste do bes, onde a parte fodida o estado safou e o "banco bom" como eles chamaram continuou a operar. e é o que temos visto, os bancos quando estalam lá está o estado para safar, quando anunciam milhões de lucro, epá é privado e tal, isto não é a china, temos que respeitar os privados. achas isso justo?

eu não sou filiado em nenhum partido, mas é fácil de ver que estou à esquerda do ps, voto pcp ou be, depende. nas últimas votei no be e nas próximas provavelmente também. o ps adora perder oportunidades de fazer mudanças a sério porque vivem com o medo de serem considerados radicais, e com isso não consigo viver e vem daí a minha antipatia por eles

o dinheiro que se gasta com bancos ao mesmo tempo que a escola pública e os hospitais publicos estão como estão é imperdoável a um partido de esquerda.

Sabes que há muita gente que depende dos empréstimos dos bancos para pagar a casa, ou vários negócios e empresas que também dependem dos bancos certo?

Achas justo prejudicar postos de trabalho, habitação, etc e tanta gente por causa de meia dúzia de maus gestores ou de irresponsáveis? Não podes simplesmente pulverizar tudo isso e deixar um banco morrer, porque acredita que um país como Portugal sente os efeitos. Basta veres o que aconteceu na Islândia quando faliu um banco, por isso não creio que seja assim tão linear.

Ninguém está a defender os privados, até porque concordo contigo que o que acontece na Banca, seja com o Governador do Banco de Portugal, ou alguém vender ações dando como garantia as próprias ações, ou até nem dando garantias sequer, etc etc é vergonhoso e também concordo que o PS devia ir mais fundo e não vai e devia ter vergonha em algumas situações.

Acho que o que debatíamos era só se o PS era socialista ou não, e é, apenas com um grau diferente dos demais.

Eu já nem sei em quem votar às vezes, mas fico-me por ser de Esquerda.

Thordo wrote:estas pessoas deviam ter os rendimentos de subsidios e pensões

há, na vdd um grande problema.....antigamente muita gente recebia salário debaixo da mesa, para não sofrer imposto, e esse dinheiro depois não conta para a pensão
ora, isso foi estupidez da pessoa e as pessoas nessas situações sinceramente não tenho muita pena delas

as que, por terem tido trabalhos que pagavam muito pouco, é uma situação diferente.
temos de arranjar alguma solução para não estar a fazer os senhorios perder dinheiro de que muitas vezes dependem e para que todos tenham algum sítio onde viver, nem que seja um lar de idosos, alguma coisa.
com essa idade às vezes mais vale

é, de facto, um grande problema que enfrentamos hoje devido ao envelhecimento da nossa população....
eu não tenho uma resposta que seja suportável no nosso orçamento, nem tenho uma boa de todo, mas alguém há de ter de arranjar tal solução
e estar a obrigar senhorios a arrendar uma propriedade a quem não paga porque, não quer ou não pode, não é uma solução nem de perto nem de longe....
tem de ser um esforço que não pode ser feito só por direita, centro ou esquerda....é um problema para todos nós enquanto nação, quando há gente neste país que não tem um teto onde viver

obvio que isto não é so para os velhos...é para qualquer sem-abrigo que, por falta de oportunidade ou capacidade, não tem condições de vida, pois a única razão pela qual as pessoas deviam estar mal na vida deve ser por falta de trabalho
as pessoas a quem não é dada oportunidade de trabalhar sequer não têm culpa, como acontece com muita gente pobre, pois não são todos uns subsídio-dependentes.....

temos de reestruturar o nosso estado social todo

Mas o problema é que neste caso há solução, basicamente é esperar que as pessoas morram. Não é bonito de se dizer, mas se formos práticos, estas pessoas idosas não vão viver tempo suficiente para trazer grande prejuizo aos proprietários.

Nem que a câmara ajudasse durante esses anos. O problema é que Lisboa hoje em dia abre as pernas a tudo o que inclua a palavra turismo. Um velhinho dá prejuizo, um alemão dá lucro. Prioridades...

Forum View

Advertisement